What are Mobiles?


Mobiles as a category have proven more interesting and more capable with each passing year. The mobile market today has more than 6 billion subscribers, more than two-thirds of whom live in developing countries. Well over a billion new phones are produced each year, a flow of continuous enhancement and innovation that is unprecedented in modern times. The fastest-growing sales segment belongs to smartphones — which means that a massive and increasing number of people all over the world now own and use a computer that fits in their hand and is able to connect to the network wirelessly from virtually anywhere. Ericsson predicts that by 2015, 80% of people accessing the Internet worldwide will be doing so from a mobile device. In developed countries, it is quite common for young people to carry their own mobile devices. In the upper grades, it is not at all unusual, indeed commonplace, to find schools in which every student carries a mobile, even if they are not allowed to use them during class. The unprecedented evolution of these devices continues to generate great interest, and their increasing capabilities make them more useful with each new generation of devices. The ability to run third-party applications represents a fundamental change in the way we regard mobiles and opens the door to a myriad of uses for education, entertainment, productivity, and social interaction.

INSTRUCTIONS: Enter your responses to the questions below. This is most easily done by moving your cursor to the end of the last item and pressing RETURN to create a new bullet point. Please include URLs whenever you can (full URLs will automatically be turned into hyperlinks; please type them out rather than using the linking tools in the toolbar).

Please "sign" your contributions by marking with the code of 4 tildes (~) in a row so that we can follow up with you if we need additional information or leads to examples- this produces a signature when the page is updated, like this: - Larry Larry Feb 7, 2012

(1) How might this technology be relevant to the educational sector you know best?

  • - Patricia.Lins Patricia.Lins Aug 29, 2012 Os adolescentes todos têm celulares. A vida gira em torno dele. Nao estão mais na frente de uma mesa com um computador, o que facilita o acesso à informacao em qualquer lugar e hora, portanto, o acesso a lições, textos, à aprendizagem. A empresa de pesquisas Casa 7 http://www.casa7pesquisa.com.br/ , que investiga comportamento de jovens entre 13 e 17 anos, é muito interessante. Os jovens agora se deslocam com os celulares e encontram amigos e discutem a vida via os mobiles. Não estão mais fechados num quarto atrás de um desktop. Será preciso encontrar um modo de utilizar os smartphones na escola. Pelo preco, pela praticidade, pela mobilidade etc etc -
  • Concordo Patricia com suas colocações. Principalmente para os estudantes do ensino médio eles podem ser usados para registros de imagens em visitas a museus, a centros históricos, a acesso a dados complementares exibidos com argumentos de realidade aumentada ou, ainda, como uma ferramenta de comunicação e tira-duvida entre professor/aluno. Todavia, há de se discutir o custo dos pacotes de dados e de envio de SMS para uso educacional.- Luis.Arruda Luis.Arruda Aug 30, 2012
  • O aprendizado móvel facilita a interação e desperta interesse entre os jovens. O grande desafio é saber como trabalhar pedagogicamente com esses gadgets e aproveitar ao máximo suas possibilidades. Primeiro pelo fácil acesso a conteúdos, de qualquer lugar o aluno poderá consultar e fazer leituras rápidas. Compartilhamento rápido de informações e arquivos, maior engajamento nas atividades, interação em tempo real com o grupo, facilidade em tirar dúvidas do lugar onde estiver sem limitar as estruturas físicas, como é o caso das instituições de ensino. - Fernanda.Bocchi Fernanda.Bocchi Sep 5, 2012
  • Talvez pela primeira vez, a escola poderá utilizar como ferramenta de trabalho dispositivos que os alunos já possuem e utilizam no seu dia-a-dia. Nesse sentido, o uso de dispositivos móveis deve ser extremamente importante para o ensino fundamental e médio. - Joao.Mattar Joao.Mattar Sep 7, 2012
  • Acho relevante para a aprendizagem de línguas (minha área de atuação) por quatro razões: (1) acesso por grande parte da população; (2) smartphones com recursos de áudio, vídeo e internet; (3) dá para trabalhar a escuta, fala, leitura e até a escrita da língua estudada; (4) acesso de praticamente qualquer lugar e hora. - Vilson.Leffa Vilson.Leffa Sep 8, 2012
  • Essa tecnologia poderá ser o que o lápis-e-papel é atualmente para a educação tradicional.- Jose.Valente Jose.Valente Sep 22, 2012
  • - Lilian.Starobinas Lilian.Starobinas Sep 9, 2012 O acesso direto à pesquisa facilita a checagem e complementação dos dados necessários ao debate em sala de aula. A possibilidade do uso de ferramentas de rede social (Twitter, por exemplo) cria a oportunidade de experimentar outros tipos de registros e diálogos em atividades educacionais.
  • O potencial dos dispositivos móveis em educação pode ser representando em uma palavra: "Pervasivos", falar de tecnologias pervasivas é falar do potencial de estas tecnologias de chegar até a ultima camada da sociedade, no Brasil são mais de 260 milhões de dispositivos, uma teledensidade de 130 aparelhos por cada 100 habitantes, o que torna o país no 5º maior mercado de telefonia móvel do mundo - Martin.Restrepo Martin.Restrepo Sep 10, 2012
  • A integração de sensores aos dispositivos móveis também é uma oportunidade para o desenvolvimento de conteúdos que explorem este potencial, sensores de posição, de aceleração, de luz, de som, de reconhecimento de imagem, de toque e multitoque brindam novas trilhas e experiências educacionais - Martin.Restrepo Martin.Restrepo Sep 10, 2012
  • A Samsung lançou em fevereiro no Mobile World Congress de Barcelona, uma versão de smartphone que conta com um picoprojetor (datashow) integrado, esta funcionalidade poderia dispensar as atuais louças digitais que contam com computador, camera e datashow, ocupando grande espaço, resumindo tudo em um unico dispositivo http://goo.gl/KqUSF, - Martin.Restrepo Martin.Restrepo Sep 10, 2012
  • A integração de outro tipo de dispositivos, maquinas, sistemas eletrônicos mediante aplicativos para dispositivos móveis vislumbra uma nova oferta de dispositivos complementares, que integrados com smartphones ou tablets permitem por exemplo o desenvolvimento de laboratorios móveis com sensores e actuadores complementares. Tecnologias de Open Hardware como Arduino ou até o próprio LEGO já trazem interfaces de integração com dispositivos móveis. - Martin.Restrepo Martin.Restrepo Sep 10, 2012

(2) What themes are missing from the above description that you think are important?

  • - Patricia.Lins Patricia.Lins Aug 29, 2012 Parece que a tendência atual eh mesmo os mobile devices. A mobilidade é fator fundamental. Carregar tudo que vc precisa num pequeno device que cabe no bolso parece imbatível. Mas, no que se trata das novas tecnologias, a gente ainda pode esperar novidades, entre elas a internet of things, quando tudo vai estar à nossa volta e não precisará de um device específico.Mas jah estou "futurando"
  • Penso que além dos smartphones, seria importante mencionar na apresentação outros dispositivos como net e notebooks e tablets (se é que eles são classificados aqui pelo Horizon Report). - Joao.Mattar Joao.Mattar Sep 7, 2012 - Lilian.Starobinas Lilian.Starobinas Sep 9, 2012
  • Não acho que esteja faltando algum dispositivo. A meu ver, smartphones deveria mesmo ser visto como uma categoria a parte, separados de netbooks e tablets.- Vilson.Leffa Vilson.Leffa Sep 8, 2012
  • Penso que seria importante pensar em "dispositivos móveis" sem se limitar a uma tecnologia em particular. Ela está evlouindo rapidamente e em pouco tempo teremos uma tecnologia que será a convergência do celular com o notebook.- Jose.Valente Jose.Valente Sep 22, 2012
  • Quando falamos de dispositivos móveis falamos de modo geral de qualquer tipo de dispositivo com o potencial de portabilidade e conexão a uma rede; handsets, iPods, smartphones, tablets e até netbooks e ultrabooks são considerados móveis, mas também falamos aqui de tecnologias móveis complementares, que integradas com dispositivos ou integradas a uma rede de telecomunicações tem o poder de troca de informações, incluindo UMPCs, cameras digitais, femtocells, personal media players, e e-Readers para e-Books. - Martin.Restrepo Martin.Restrepo Sep 10, 2012

(3) What do you see as the potential impact of this technology on teaching, learning, or creative inquiry?

  • - Patricia.Lins Patricia.Lins Aug 29, 2012 Pode ter um grande impacto. A praticidade, a mobilidade e o preço são bem interessantes. Usar essa tecnologia para a aprendizagem em sala de aula, com o acesso prático de um device que não ocupa quase espaço, pode ser muito eficaz. E o jovem vai para casa ou para onde for e leva tudo ali. Vai depender da preparacao dos professores pra que possam aproveitar o uso dos celulares.
  • Com a utilização dessa tecnologia, os alunos que sentem mais dificuldades em aprender uma determinada área do conhecimento poderão se interessar em aprender através desses aparelhos. Através de aplicativos específicos que rodam unicamente em smartphones, é possível realizar exercícios e encontrar apoio pedagógico de qualquer lugar. Para isso, é preciso investir na formação de professores e quais possibilidades metodológicas poderão encontrar para esse tipo de trabalho. - Fernanda.Bocchi Fernanda.Bocchi Sep 5, 2012
  • Os dispositivos móveis devem contribuir para desterritorializar a educação, transformando-a mais em ubíquia. Isso tenderá a distribuir a educação para espaços além da sala de aula. - Joao.Mattar Joao.Mattar Sep 7, 2012
  • Trabalho com o ensino de línguas e língua é comunicação; daí o potencial impacto dos smartphones. - Vilson.Leffa Vilson.Leffa Sep 8, 2012
  • Será possível complementar o contexto formal da sala de aual com os contextos informais, fora dos muros da escola, de modo que será possível trazer a vida para a escola e a escola para a vida.- Jose.Valente Jose.Valente Sep 22, 2012
  • - Lilian.Starobinas Lilian.Starobinas Sep 9, 2012 A facilitação da pesquisa em sala; o registro e transmissão em tempo real (imagens, textos, fotos); a comunicação multidirecional, mediada por ferramentas de Redes Sociais.
  • A exploração do potencial das redes de telecomunicações em sinergia com o potencial dos dispositivos móveis, trazem em esencia um novo panorama nos conteúdos digitais e experiências educacionais, conteúdos que integram sensores, redes sociais, experiências educacionais que transbordam o mundo meramente digital e se integram com o mundo real - Martin.Restrepo Martin.Restrepo Sep 10, 2012
  • Um dos novos paradigmas da educação com tecnologias móveis coloca estudantes e educadores não apenas como consumidores/transmisores de conteúdos, conhecimento e informação, e leva eles num cenário criativo que sugere uma postura ativa na criação de conteúdos e aplicações. Qualquer usuario de internet hoje tem o potencial de se transformar em um criador de aplicativos e experiencias móveis, mesmo sem conhecimentos em programação ou tecnologicos, é o poder de democratização tecnologico levado a estes usuários que tem a expectativa de transformar, remixar, cocriar. - Martin.Restrepo Martin.Restrepo Sep 10, 2012

(4) Do you have or know of a project working in this area?

  • - Patricia.Lins Patricia.Lins Aug 29, 2012 A empresa www.mobilebrain.com.br comeca a desenvolver apps para celular para estudar para simulados do ENEM - Exame Nacional do Ensino Medio. Mesmo que muito tutorial, é um começo e tentativa de uso de um device que atualmente representa o eixo da vida dos jovens.
  • O Projeto UCA http://www.uca.gov.br/institucional/ é um grande projeto do Governo Federal que utilizou inicialmente netbooks mas agora parece caminha para a utilização de tables. Entretanto, não há ainda um intenso questionamento sobre os resultados alcançados até agora pelo proejto. - Joao.Mattar Joao.Mattar Sep 7, 2012
  • Pelo menos três operadoras de celular no Brasil, estão lançando cursos de línguas: Claro (Claro Línguas); Vivo (Kantoo) e Tim (Ezlearn). - Vilson.Leffa Vilson.Leffa Sep 8, 2012
  • Programa "Una laptop por niño" no Perúhttp://www.perueduca.edu.pe/olpc/OLPC_Home.html- Jose.Valente Jose.Valente Sep 22, 2012
  • Projeto CEIBAL no Uruguay.http://www.ceibal.edu.uy/- Jose.Valente Jose.Valente Sep 22, 2012
  • Os documentos abaixo apresentam uma boa relação do que acontece com a implantação de dispositivos móveis na America Latina. Modelos Um para Um na América Latina e no Caribe
    http://idbdocs.iadb.org/wsdocs/getdocument.aspx?docnum=36855293
    e, Technology and Child Development:Evidence from the One Laptopper Child Program
    http://idbdocs.iadb.org/wsdocs/getdocument.aspx?docnum=36855293- Jose.Valente Jose.Valente Sep 22, 2012
  • - Lilian.Starobinas Lilian.Starobinas Sep 9, 2012 Tenho trabalhado (na escola Vera Cruz) num projeto de pesquisa de fontes (imagens e textos) e registro desse processo com o uso da câmera fotográfica do celular.
  • MEL (Mobile Education Lab) http://comel.io
    MEL é um laboratorio cocriativo, que promove a descoberta, experimentação e invenção de experiências educacionais e conteúdos digitais que explorem o potencial das tecnologias móveis e as redes de telecomunicações. Primeira comunidade brasileira especializada no assunto. - Martin.Restrepo Martin.Restrepo Sep 10, 2012